Estaleiro

Dois estaleiros japoneses formarão joint venture em outubro

A Imabari Shipbuilding e a Japan Marine United Corporation (JMU) chegaram a um acordo para formar uma joint venture em um esforço para competir melhor no cenário global da construção naval.

31/03/2020|Seção: Notícias da Semana|Tags:, |

CORONAVÍRUS:
Financiamentos do FMM celebrados pelo BNDES terão cobranças suspensas


Há R$ 23,5 bilhões em contratos com armadores e estaleiros que poderão se beneficiar da medida

Como ação para enfrentamento dos efeitos do novo Coronavírus, o Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES) aprovou medida emergencial para a suspensão de cobrança dos empréstimos por até 6 meses. Essa suspensão poderá ser estendida aos financiamentos celebrados pelo BNDES com recursos do Fundo da Marinha Mercante (FMM), sujeita aos prazos máximos de carência estabelecidos na legislação e observadas as políticas e normas de crédito do BNDES.

Os financiamentos com recursos do FMM possuem prazo de até 4 anos de carência e até 20 anos de amortização, de acordo com a regulamentação do Conselho Monetário Nacional (CMN). Os financiamentos do FMM são realizados por meio dos bancos oficiais federais, e o BNDES é o principal agente financiador do FMM, com saldo emprestado de R$ 23,5 bilhões.

Como o FMM acumulou excedentes de arrecadação nos últimos anos, a suspensão temporária não prejudicará a execução do orçamento de 2020 para novas contratações.

SOBRE O FUNDO – O FMM é administrado pelo Ministério da Infraestrutura, por intermédio do Conselho Diretor do FMM, sendo a principal fonte de financiamento de longo prazo do setor naval. O Fundo disponibiliza recursos para a instalação e modernização de estaleiros e para que as empresas brasileiras possam estabelecer-se, renovar ou ampliar sua frota de embarcações.

Para mais informações sobre apresentação dos pedidos de suspensão de cobrança e indicação dos contratos a serem beneficiados, acesse: https://www.bndes.gov.br.
Assessoria Especial de Comunicação
Ministério da Infraestrutura

31/03/2020|Seção: Destaque Superior 300px|Tags:, , |

FMM destina R$ 5,6 bilhões para projetos do setor naval

Maior parte dos recursos será destinada a projetos já aprovados e que obtiveram novo prazo para contratação do financiamento; Conselho também aprovou a prestação de contas de 2019.
O Conselho Diretor do Fundo da Marinha Mercante (CDFMM) aprovou, na 43ª Reunião Ordinária, realizada neste mês, R$ 5,6 bilhões de investimentos para o setor naval. A maior parte dos recursos será destinada para projetos que já tinham sido aprovados pelo Conselho e que obtiveram novo prazo para contratação do financiamento com recursos Fundo. Na ocasião, o Conselho também aprovou a prestação de contas de 2019 do FMM.

31/03/2020|Seção: Destaque Superior 300px|Tags:, |

Estaleiro Detroit entrega o 6º rebocador da série Starnav

Starnav Tiaki é o mais novo rebocador da Starnav Serviços Marítimos. O rebocador deixou Itajaí na última quarta-feira (11) sentido Rio de Janeiro, sede da empresa. Dotado do que há de mais moderno em termos de construção naval, a embarcação é uma verdadeira obra de engenharia avançada.

18/03/2020|Seção: Notícias da Semana|Tags:, |

Sulnorte investe em dez novos rebocadores

Com o objetivo de renovar e expandir a frota, a Sulnorte, tradicional empresa de rebocadores controlada pelo Grupo H. Dantas e a segunda mais antiga do Brasil, anuncia a aprovação de seu projeto para a construção de dez novos rebocadores portuários RAmparts 2500 por parte do Conselho do Fundo de Marinha Mercante. Com investimento de R$ 321 milhões, as embarcações deverão ser construídas no Estaleiro Rio Maguari, no Pará, e terão 75 toneladas de tração estática (TTE).

09/03/2020|Seção: Notícias da Semana|Tags:, |

Plataforma da Petrobras chega este mês ao ES para ter construção finalizada

O casco de um novo navio-plataforma da Petrobras chegará este mês ao Espírito Santo para ter a construção finalizada no Estaleiro Jurong Aracruz (EJA). A FPSO (sigla em inglês de unidade flutuante de produção, armazenamento e transferência de petróleo) deixou em dezembro o estaleiro CIMC Raffles, na China.

05/03/2020|Seção: Notícias da Semana|Tags:, , |

Coronavírus ameaça entrega de FPSOs

A epidemia do novo coronavírus poderá atrasar a construção de FPSOs em estaleiros na Ásia, já que os estaleiros da China, Coreia do Sul e Singapura – países próximos ao surto inicial do vírus – respondem por 22 dos 28 FPSOs em fabricação no mundo. Segundo a Rystad Energy, os atrasos poderão ser de três a seis meses nos projetos, podendo chegar a um ano, caso a epidemia tenha uma escalada.

03/03/2020|Seção: Notícias da Semana|Tags:, |

Países asiáticos podem atrasar encomendas de plataformas à Petrobras

Os efeitos produzidos pela crise do coronavírus podem levar a Petrobras a deixar de receber até US$ 10 milhões por dia. Essa ‘perda’ diária, dizem especialistas, seria causada pelos atrasos na entrega de plataformas. Sete embarcações foram encomendadas pela estatal a estaleiros da Ásia, principalmente na China, Cingapura e Coreia do Sul, os três países mais afetados pela epidemia até agora.

02/03/2020|Seção: Notícias da Semana|Tags:, |

Surto do coronavírus pode atrasar a construção de FPSOs na China em até um ano, aponta Rystad

O impacto do surto do coronavírus no setor de óleo e gás não vai afetar apenas as exportações de óleo para a China, mas também deve atrasar a construção de navios-plataformas (FPSOs) nos estaleiros do país asiático. A conclusão é da empresa de pesquisa e inteligência energética Rystad Energy. A estimativa é que os projetos devem ser postergados entre três a seis meses. Mas se a epidemia se agravar, os atrasos podem aumentar para nove ou até 12 meses.

02/03/2020|Seção: Notícias da Semana|Tags:, |

Portos do Paraná recebem novo rebocador com mais tecnologia

Os portos do Paraná receberam um reforço nas operações de apoio marítimo. Trata-se de um novo rebocador, maior e mais potente, que se junta aos outros 11 que já atuam nos terminais paranaenses. O Starnav Electra tem 32 metros de comprimento, 11,6 metros de largura (boca) e calado de 6,03. A tração estática da embarcação é de 81,5 toneladas.

10/02/2020|Seção: Notícias da Semana|Tags:, |