FPSO de Búzios V sofre novo adiamento

  • 16/04/2018

Data de entrega das propostas é prorrogado por mais duas semanas

A Petrobras adiou mais uma vez a data de entrega das propostas da licitação para o afretamento do FPSO de Búzios V, unidade de produção programada para entrar em operação em 2021 na cessão onerosa. Com a mudança no cronograma, o novo prazo foi remarcado para o dia 30 de abril.

O adiamento marca a sétima mudança de data da licitação. O último prazo tinha sido marcado para esta sexta-feira (13/4).

A mudança na data foi oficializada nesta semana. O adiamento, segundo a Petrobras, foi solicitado por algumas das empresas que participam do processo.

A planta do FPSO de Búzios V terá capacidade para produzir 180 mil barris/dia de óleo e processar 12 milhões de m3/dia de gás. O contrato de afretamento será de 21 anos, com possibilidade de prorrogação por igual período.

A primeira unidade de produção de Búzios, a P-74, entrará em operação possivelmente até o fim de abril. Mais dois FPSOs estão programados para este ano, a P-75 e a P-76. A quarta unidade, P-77, tem primeiro óleo previsto para 2020.

Fonte: Brasil Energia – Claudia Siqueira
16/04/2018|Seção: Notícias da Semana|Tags: , , |