Mercado

Projeto de lei dos EUA incentiva construção naval dedicada à cabotagem

Brasil e Estados Unidos são países privilegiados por contar com extensas costas marítimas. O território norte-americano, inclusive, é banhado por dois oceanos - Pacífico e Atlântico - e ocupa a nona posição entre as maiores extensões litorâneas do planeta. Entretanto, a frota de embarcações destas nações é muito baixa, reflexo de uma indústria marítima muito aquém de suas possibilidades e em posição de fragilidade se comparadas às indústrias de Alemanha, Japão, Noruega, Grécia e Cingapura, entre outras.
Para reverter este panorama um projeto de Lei foi apresentado nos Estados Unidos com o intuito de incentivar a construção naval dedicada à cabotagem. Em artigo escrito para o Portogente, o gerente de Desenvolvimento e Estudos da Agência Nacional de Transporte Aquaviários (Antaq), Cláudio Soares, avalia a iniciativa e demonstra como democratas e republicanos concordam em apontar a navegação interior como questão de segurança nacional, estímulo ao desenvolvimento e geração de empregos.

04/04/2019|Seção: Destaque Superior 300px|Tags:, |

‘Jones Act’ contribuiu para 30% a mais empregos na indústria marítima dos EUA, aponta instituto

O setor marítimo dos Estados Unidos registrou aumento de 30% no número de postos de trabalho locais. De acordo com o Transportation Institute, esse aumento foi possível graças ao Jones Act, lei de 1920 que garante que o transporte de cabotagem pela costa americana seja realizado por embarcações construídas no país, de propriedade de armadores locais e tripuladas por americanos, promovendo a manutenção da base industrial marítima dos EUA. Segundo o instituto, a indústria hoje emprega perto de 650 mil americanos, dos 50 estados, e contribui com US$ 154 bilhões para o crescimento econômico anual do país.

04/04/2019|Seção: Destaque Superior 300px|Tags:, |

Diretoria de Gestão de Programas da Marinha inicia projeto para obtenção de novo navio de apoio Antártico

A Marinha do Brasil, por intermédio da Diretoria de Gestão de Programas da Marinha (DGePM), comunica que iniciou o Projeto de Obtenção do Navio de Apoio Antártico com a publicação de Aviso de Chamamento Público específico, no Diário Oficial da União, em 22 de fevereiro de 2019. As empresas interessadas em fornecer as respostas ao documento intitulado “Solicitação de Informações” (“Request For Information” – RFI), seguindo as orientações contidas no DOU, poderão retirá-lo na própria DGePM, no período compreendido entre 09h00, do dia 25 de fevereiro de 2019 e 15h00, do dia 13 de março de 2019.

04/04/2019|Seção: Destaque Superior 300px|Tags:|

Congresso FPSO Brasil retorna ao Rio de Janeiro

Após um evento inaugural de sucesso em 2018, organizado pela Rede FPSO , o Congresso FPSO Brasil, que acontece de 28 a 29 de maio de 2019 , deverá retornar ao Rio de Janeiro para sua 2a. edição. Continuará sendo a única plataforma dedicada ao FPSO para o robusto mercado brasileiro.

19/03/2019|Seção: Notícias da Semana|Tags:, |

ANTAQ e Abac debatem navegação de cabotagem

Representantes da ANTAQ e da Associação Brasileira dos Armadores de Cabotagem (Abac) se reuniram, nesta sexta-feira (15), na sede da Agência, em Brasília. O objetivo do encontro foi discutir a navegação de cabotagem. A associação apresentou um trabalho sobre o fomento e o desenvolvimento desse tipo de navegação.

19/03/2019|Seção: Notícias da Semana|Tags:, |

Enseada está na disputa por super contrato com a Marinha do Brasil

A paradeira na foz do rio Paraguaçu pode estar com os dias contados. O Consórcio Villegagnon – composto pela Naval Group, Mectron e o Estaleiro Enseada – está entre os quatro finalistas de uma licitação para a construção de quatro navios de guerra para a Marinha, cujo investimento deve chegar aos R$ 6 bilhões, nos próximos sete anos.

15/03/2019|Seção: Notícias da Semana|Tags:, , |

Compra de corvetas para a Marinha deve ser definida ainda este mês

As negociações do contrato de aquisição de quatro novas corvetas para a Marinha, um investimento estimado entre US$ 1,6 bilhão e US$ 2 bilhões, serão encerradas até o fim do mês. A entrega das ofertas dos quatro consórcios candidatos finalistas à encomenda está marcada para esta sexta-feira, 8, em Brasília. O anúncio do ganhador deve ocorrer nas próximas duas semanas.

12/03/2019|Seção: Notícias da Semana|Tags:, |

Petrobras lança licitação para descomissionar Cação

A Petrobras lançou a esperada licitação para descomissionar as três plataformas fixas do campo de Cação, na Bacia de Campos. Com duração de dois anos, o contrato tem início programado para março de 2020. As propostas comerciais deverão ser entregues até o próximo 6 de maio.

28/02/2019|Seção: Notícias da Semana|Tags:|

Apoio marítimo começa ano mantendo 90% da frota com bandeira brasileira

A frota de apoio marítimo em águas brasileiras encerrou janeiro com 367 embarcações, das quais 328 de bandeira brasileira e 39 de bandeira estrangeira. A quantidade se manteve estável em relação a dezembro de 2018, quando 363 embarcações (324 de bandeira brasileira e 39 de bandeira estrangeira) estavam em operação ou disponíveis aguardando contratação.

27/02/2019|Seção: Notícias da Semana|Tags:, |

Ramboll mira em descomissionamento de plataformas e acredita que atividade dará ânimo ao mercado de engenharia

O Brasil possui uma quantidade considerável de plataformas que se aproximam ou que já atingiram seu tempo máximo de vida útil. A Petrobras, por exemplo, lançou recentemente o edital para descomissionamento das plataformas fixas do campo de Cação, no Espírito Santo. Sendo assim, este tipo de atividade desperta o interesse de muitas empresas.

27/02/2019|Seção: Notícias da Semana|Tags:|