Plataforma da Petrobras trazida da China está parada no estaleiro

  • 31/10/2018

As duas últimas plataformas de petróleo recebidas pela Petrobras jogam lenha na antiga discussão se é melhor fazer encomendas à indústria nacional ou no exterior.

A P-69, construída no Brasil e entregue em 31 de agosto, foi inspecionada e liberada em 5 dias e já produziu o primeiro óleo.

Já a P-67, que chegou em julho da China, continua parada porque precisa de reparos antes de receber licença de operação.

São 150 mil barris de petróleo que deixam de ser produzidos por dia.

Fonte: Veja – Ernesto Neves
31/10/2018|Seção: Destaque Superior 300px, Notícias da Semana|Tags: , |