Estaleiro Oceana

Estaleiro Oceana agora é Estaleiro Brasil Sul

Com a conclusão da aquisição do estaleiro Oceana pela thyssenkrupp Marine Systems do Brasil, a empresa rebatizou a instalação, que passa a se chamar thyssenkrupp Estaleiro Brasil Sul.

13/01/2021|Seção: Notícias da Semana|Tags:, , , |

Construção de fragatas abre novas perspectivas para indústria de navipeças, diz gerente do programa

A assinatura do contrato para construção das fragatas Tamandaré abre novas perspectivas de fornecimento indústria nacional de equipamentos navais. O gerente do programa de fragatas classe Tamandaré (PFCT), capitão de mar e guerra Roberto Marcelo Moura dos Santos, disse que são oportunidades possíveis, mesmo com a baixa demanda da construção naval brasileira nos últimos anos.

23/10/2020|Seção: Destaque Superior 150px|Tags:, , , |

TKMS mira novos projetos na América do Sul para estaleiro Oceana

O anúncio da aquisição do estaleiro Oceana (SC) pela thyssenkrupp Marine Systems (TKMS) abriu a expectativa de novos projetos para construção naval.

29/05/2020|Seção: Notícias da Semana|Tags:, |

thyssenkrupp Marine Systems assina contrato de aquisição do estaleiro Oceana no Brasil

A thyssenkrupp Marine Systems – com sede em Kiel, na Alemanha – acaba de assinar o contrato para adquirir o estaleiro Oceana (Itajaí/SC) da empresa Aliança S.A., pertencente ao Grupo CBO, líder em embarcações de apoio offshore e um dos maiores empregadores de profissionais marítimos qualificados no mercado brasileiro.

O acordo cria a base inicial para a construção das fragatas da Classe Tamandaré para a Marinha do Brasil, bem como para um maior crescimento da empresa no país. A operação está sujeita à aprovação das autoridades antitruste e à entrada em vigor oficial do contrato das fragatas – previsto para meados de 2020. A aquisição será, então, executada por meio da subsidiária brasileira thyssenkrupp Marine Systems do Brasil. Por acordo, o valor da transação não será divulgado.

"Mesmo em tempos difíceis como estes, seguimos com determinação e permanecemos fortemente ao lado dos nossos clientes. Com o Oceana, temos uma excelente infraestrutura para a construção da fragata mais moderna do país para a Marinha do Brasil. A aquisição destaca nosso compromisso com o Brasil e será um fator econômico importante, especialmente nos dias de hoje. O estaleiro também nos oferece a perspectiva de assumirmos encomendas de outros clientes, não só localmente, mas também em outros países da América do Sul", afirma Dr. Rolf Wirtz, CEO da thyssenkrupp Marine Systems.

O estaleiro Oceana foi criado em 2013 para a produção de navios de apoio offshore de alta qualidade e tecnologia e é ideal para projetos de grande dimensão. Nos próximos dois anos, serão recrutados 800 trabalhadores locais apenas para o projeto da Classe Tamandaré. Isso significa que podem ser construídos no Brasil navios de alto valor agregado nacional. A entrega dos navios está prevista para o período entre 2025 e 2028.

A Águas Azuis é uma sociedade de propósito específico estabelecida entre a thyssenkrupp Marine Systems (líder), a Embraer Defesa & Segurança e a Atech e será responsável pela execução das quatro fragatas.

Links:
Vídeo do Projeto Classe Tamandaré
Site: www.aguasazuis.com.br

20/05/2020|Seção: Notícias da Semana|Tags:, |

Assinatura de contrato dos navios Tamandaré tem data marcada

A assinatura do contrato para construção dos quatro navios classe Tamandaré está prevista para o dia 4 de março. O departamento de imprensa da Marinha informou que a cerimônia será em local a ser definido em Brasília (DF). O consórcio Águas Azuis, liderado pela thyssenkrupp Marine Systems, com a Embraer Defesa & Segurança e a Atech, foi selecionado como fornecedor preferencial para a construção dos navios para a força naval. A partir da divulgação do resultado, em março do ano passado, o contrato final passou a ser negociado entre o consórcio e a Empresa Gerencial de Projetos navais (Emgepron). A previsão inicial era que o contrato fosse assinado até o final de 2019, o que não se confirmou.

05/02/2020|Seção: Notícias da Semana|Tags:, , , , |

Embaixador alemão visita Estaleiro Oceana e reforça apoio ao “Consórcio Águas Azuis”

O embaixador da Alemanha no Brasil, Dr. Georg Witschel, visitou no dia 14 de fevereiro (quinta-feira) as instalações do Estaleiro Oceana, situado em Itajaí (SC). Acompanhado pelo Adido da Indústria de Defesa da Embaixada, Patrick Stotz, e pelo Cônsul Geral da Alemanha em Porto Alegre, Dr. Thomas Schmitt, participou de uma mesa redonda promovida pelo Consórcio Águas Azuis na qual foi apresentada a proposta do consórcio para o Programa CCT (Corvetas Classe Tamandaré) da Marinha do Brasil.
Estavam presentes no encontro Joachim Schoenfeld, head de vendas regionais da Thyssenkrupp Marine Systems; Johan Paul Kempers e Marcelo Martins, respectivamente, diretor executivo e diretor técnico do Estaleiro Oceana; Rafael Gustavo Fassina Marques, gerente de desenvolvimento de negócios da Embraer Defesa & Segurança; Cesar Augusto Olsen, presidente do Comitê da Indústria de Defesa de Santa Catarina(Comdefesa); Fabricia Lemser Martins, diretora jurídica da FIESC – Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina; Rafael Digo Theiss e Leonardo Campos Freitas, respectivamente, executivo sindical e presidente do Sinconavin – Sindicato das Indústrias da Construção Naval de Itajaí e Navegantes; e Úrsula Tuma, gerente executiva da Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos/Joinville (Abimaq Joinville)

18/02/2019|Seção: Notícias da Semana|Tags:, , |

CBO conclui série de AHTS e fecha ano com frota de 33 barcos de apoio

A CBO entrará 2019 com uma frota consolidada de 33 embarcações de apoio marítimo. No final de outubro, o estaleiro Oceana (SC), que pertence ao grupo, entregou o CBO Terra Brasilis, último dos seis AHTS 18.000 (manuseio de âncoras) e que dá nome a essa série. Além dele, as outras cinco unidades (Bossa Nova; Iguaçu; Parintins; Xavantes; e Cabrália) possuem contratos com a Petrobras, referentes à sexta e sétima rodadas do Programa de Renovação da Frota de Apoio Marítimo (Prorefam).

03/12/2018|Seção: Notícias da Semana|Tags:, , |

Short list para corvetas tem Enseada, Oceana, Vard e Wilson Sons

A Marinha selecionou quatro das nove propostas apresentadas pelos consórcios que disputam a construção de quatro corvetas classe Tamandaré para a força naval. A 'short list', anunciada nesta segunda-feira (15), é formada pelos consórcios: “Águas Azuis”, “Damen Saab Tamandaré”, “FLV” e “Villegagnon”. Com a decisão, a construção desses navios está entre os estaleiros: Enseada (BA), Oceana (SC), Vard (PE) e Wilson Sons (SP). Os investimentos previstos são da ordem de US$ 1,6 bilhão.