Sinaval

About Sinaval

This author has not yet filled in any details.
So far Sinaval has created 2947 blog entries.

Conferências que vão discutir o setor naval têm inscrições abertas

Em agosto, evento reúne empresários e especialistas para debater os problemas e o futuro da indústria naval em mais de 58 palestras, workshops e estudos de caso.
Estão abertas as inscrições gratuitas para os profissionais interessados em participar de palestras, workshops e a apresentação de estudos de caso ligados ao setor naval e offshore. A programação faz parte da Marintec South America, principal evento da América do Sul dedicado aos setores da construção naval, manutenção e operações, que acontece de 14 a 16 de agosto no Centro de Convenções SulAmérica, Rio de Janeiro.
Após quatorze edições, em 2018 o evento reforça as Conferências de conteúdo com objetivo de fomentar a recuperação da indústria naval brasileira, reunindo empresários e especialistas para debater diversos temas que estão em pauta como: Cenário atual do setor de Oil & Gas e como fazer negócios com o players do mercado de petróleo e gás; Como criar uma política pública sustentável de construção naval para um melhor desempenho do setor; A polêmica sobre o conteúdo local; Workshop da Indústria 4.0 e as Tecnologias Robóticas, novas tendências e inovações para a indústria naval e os principais impactos a curto e longo prazo.
Os assuntos estão divididos em três conferências: Congresso Marintec, voltado para operação e construção naval; Congresso Manutec, ligado a temas de manutenção, eficiência energética e redução de custos e o Marine Summit, com assuntos de investimentos, políticas públicas e regulamentações. Ao todo serão apresentadas 48 palestras, 5 workshops e 9 estudos de caso durante os três dias de evento, sempre das 14 às 18 horas.
A programação completa e as inscrições estão no site oficial do evento: http://www.marintecsa.com.br

12/07/2018|Seção: Destaque Superior 300px|Tags:, |

Setor naval no Rio de Janeiro espera dias melhores

Fornecedores nacionais e internacionais estabelecidos no estado fluminense participam de evento do setor naval em agosto com a expectativa de prospectar novos negócios

05/07/2018|Seção: Destaque Superior 300px|Tags:, , |

Hyundai fecha um de seus estaleiros após 35 anos de operações

A sul coreana Hyundai Heavy Industries decidiu fechar temporariamente seu estaleiro offshore, que fica localizado a aproximadamente 5 km do orincipal estaleiro da empresa, e onde são fabricadas as plantas já que não há mais encomendas que justifiquem o funcionamento do mesmo.

03/07/2018|Seção: Notícias da Semana|Tags:, |

Área de sudoeste de Tartaruga Verde terá 80% de conteúdo local para casco de plataforma

Um dos grandes acontecimentos do mercado de óleo e gás no segundo semestre, o 5º leilão de partilha do pré-sal ganhou um edital nesta quinta-feira (28). O documento foi publicado pela Agência Nacional do Petróleo (ANP) e ficará em consulta pública até o dia 11 de julho e trouxe o que parece ser uma boa notícia para a indústria naval. Uma das novidades é que a área de Sudoeste de Tartaruga Verde terá um conteúdo local diferenciado em relação as demais área licitadas. No caso do navio-plataforma que irá explorar a área, o casco da embarcação terá 80% de conteúdo nacional mínimo exigido.

03/07/2018|Seção: Notícias da Semana|Tags:, |

Empregos em estaleiros caíram 64% desde 2014, aponta Sinaval

A construção naval e offshore no Brasil emprega atualmente menos de 30.000 postos de trabalho. O Sindicato Nacional da Indústria da Construção e Reparação Naval e Offshore (Sinaval) contabilizou 29.539 trabalhadores trabalhando em estaleiros em abril, cerca de 5.00 empregos a menos em relação a dezembro do ano passado. O número de empregos no setor em abril representa queda de 64% em comparação a dezembro de 2014, pico da atividade, quando os estaleiros nacionais empregavam 82.472 trabalhadores.

03/07/2018|Seção: Notícias da Semana|Tags:, |

Sinaval propõe agenda para debate com candidatos à presidência

O Sindicato Nacional da Indústria da Construção e Reparação Naval e Offshore (Sinaval) elaborou uma agenda a ser entregue aos pré-candidatos que concorrerão à presidência da república. No documento, o sindicato propõe que sejam priorizadas políticas públicas que fortaleçam as atividades do setor naval para que ele possa retomar seu papel na economia brasileira. Um dos principais pontos apontados é a necessidade de manter e aperfeiçoar o sistema regulatório, legislativo e fiscal da indústria. (Clique aqui para conferir as propostas na íntegra)

03/07/2018|Seção: Notícias da Semana|Tags:, |

O que os estaleiros querem do próximo presidente? Listamos as propostas do Sinaval para os presidenciáveis

O Sindical Nacional da Indústria de Construção Naval e Reparação Offshore (Sinaval), que representa 28 estaleiros instalados no Brasil, está iniciando um trabalho para colocar na agenda dos presidencáveis suas demandas para o próximo governo. A ideia é iniciar discussões com todas as legendas para que o tema da construção naval esteja nos programas de governo, que devem ser lançados em agosto.

03/07/2018|Seção: Notícias da Semana|Tags:, |

Estaleiro GRSE apresenta proposta para corvetas Tamandaré

O Jane’s noticiou que o estaleiro indiano Garden Reach Shipbuilders & Engineers (GRSE) revelou seu conceito de design para o programa corveta da classe Tamandaré da Marinha do Brasil.

03/07/2018|Seção: Notícias da Semana|Tags:, |

Koster, a classe de navios antiminas oferecida pela SAAB a Marinha do Brasil

A RIDEX 2018 não trouxe grandes novidades ao público, excetuando-se o avanço do Projeto da Corveta Classe Tamandaré (CCT) que em breve divulgará um consórcio vencedor. A SAAB que concorre em parceceria com a DAMEN nesse projeto da corveta também quer atualizar a pequena frota de navios varredores de minas da Marinha do Brasil, que já chegou ao limite de obsolescência, com navio feitos de madeira.

03/07/2018|Seção: Notícias da Semana|Tags:, , |

Indústria naval brasileira busca novos rumos

No Painel apresentado pelo João Augusto Azeredo, diretor executivo da Associação Brasileira das Empresas de Construção Naval e Offshore (Abenav), no dia 29 de junho (sexta-feira), durante a Rio International Defense Exhibition — Ridex 2018, cujo tema giou em torno da análise conjuntural sobre a 'Indústria da Construção Naval' no Brasil e seus segmentos de atuação: offshore, navios, embarcações militares, embarcações de apoio marítimo, barcaças, empurradores e rebocadores, acabou por retratar o quadro hoje da indústria naval brasileira, e a diminuição em 64% dos postos de trabalho levantados pelo Sindicato Nacional da Indústria da Construção e Reparação Naval & Offshore (Sinaval), até abril deste ano.

03/07/2018|Seção: Notícias da Semana|Tags:, , , |